Slide background

Síndico: Marco Antônio Cerva

case correspondente à fase três de
reabertura.

 

“No início do isolamento social, o bairro estava vazio e o prédio não foi fechado pela pandemia propriamente dita, mas por uma questão de segurança, porque estava tudo fechado no entorno, então não era seguro ficar com o prédio aberto. As salas são, em sua maioria, de consultórios médicos e odontológicos, então, quando fechamos, passamos a controlar o fluxo de visitantes. Os profissionais podiam atender, mas tinham que passar uma lista com os nomes de quem iria entrar para que pudéssemos liberar o acesso.

O prédio já está funcionando normalmente, mas percebo que as pessoas ainda estão muito assustadas. O problema é realmente sério. Nós fomos massacrados com muitas notícias sobre a pandemia, mas as coisas já estão voltando ao normal, um ‘novo normal’, e precisamos nos adaptar a isso, já que é uma realidade que nunca vivenciamos.

Também administro alguns condomínios residenciais cujos prédios são mais antigos, não contam com academia, mas têm play. Inicialmente, consultei os condôminos e eles não queriam utilizar o espaço. Mais recentemente, recebemos pedidos de moradores que queriam treinar no play, separados das outras pessoas, em horários diferentes. Nós autorizamos e não temos tido nenhuma dor de cabeça com isso. As pessoas estão muito assustadas e têm entendido bem. A reabertura do salão de festas está prevista para setembro, mas os moradores estão conscientes de que isso pode não acontecer.

Administro outros condomínios que não são da Cipa e só recebi a cartilha feita pela Abadi. A cartilha da Cipa é muito mais detalhada, informa a divisão das fases, e isso foi muito importante, pois estava tendo que fazer tudo manualmente. A comunicação com os assessores foi tranquila e a digitalização dos documentos foi fundamental, porque tem condômino que não faz parte do conselho, mas quer ter acesso à prestação de contas, por exemplo, então, orientamos que eles acessem o app, o que demonstra transparência, que é fundamental, principalmente como síndico profissional. Mas eu não abro mão do contato pessoal com os assessores. Posso dizer que alguns deles são anjos para mim.

Vejo com bons olhos a modernização da Cipa e a implementação cada vez mais frequente de recursos digitais. A empresa está no caminho certo, com uma reformulação grande na estrutura e na apresentação, então, só tenho mesmo que agradecer à Cipa todo o suporte recebido.”

:: C I P A - Condomínios, Locações, compra e venda de imóveis, seguros ::
  • Rua México, 41, 2º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ
  • +55 21 2196 5000

CIPA na Rede

Receba Notícias