O sonho de morar em um apartamento com varanda, sem nem mesmo precisar se mudar, já pode se tornar realidade.  E ainda vem acompanhado de valorização do imóvel, que pode subir 100% do valor inicial ao ganhar uma varanda.

Mas não é para todos.  É um processo longo, caro e nem sempre possível por vários motivos. O condomínio deve ter potencial construtivo em relação à área atual, sendo que via de regra é possível adicionar 10% de área ao total já construído. O edifício também deve ter estrutura para a sobrecarga que virá com as sacadas, e nem sempre é possível adequar a fundação inicial.

A expansão deve ser aprovada em assembleia, por 100% dos condôminos, incluindo inadimplentes. Para chegar à unanimidade, a comissão deve apresentar detalhes do projeto, previsão de preços e as formas de pagamento.

Um plano de arrecadação de fundos deve ser estabelecido imediatamente à aprovação, começando idealmente com 30% do valor da obra e parcelamento do restante. Empresas especializadas em crédito para condomínio são uma alternativa para buscar aporte financeiro extra.

Contar com uma empresa altamente especializada, que tenha arquitetos e engenheiros experientes, é fundamental para o sucesso dessa empreitada. Buscar referências e garantias é super importante. Além da execução da obra, a empresa costuma assessorar também na parte documental do projeto. O processo legal pode ser demorado de acordo com o plano diretor de cada cidade.

Se a Prefeitura não emitir o alvará, a obra não pode iniciar. Além de encaminhar a planta original e a elaborada para o projeto, com devido ART (Anotação de Responsabilidade Técnica, deverá ser enviada também a convenção atualizada do condomínio.

Leia Mais: Convivência com animais de estimação nos condomínios. Clique Aqui!

:: C I P A - Condomínios, Locações, compra e venda de imóveis, seguros ::
  • Rua México, 41, 2º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ
  • +55 21 2196 5000

CIPA na Rede

Receba Notícias