Os condomínios que contam com áreas de lazer para crianças como playgrounds e parquinhos precisam estabelecer uma rotina sagrada de manutenção e limpeza para evitar acidentes.

Brinquedos mal conservados e caixas de areia sujas representam um risco sério aos pequenos, que só pensam em brincar sem avaliar as condições em que se encontra o ambiente.

Um passo importante é estabelecer regras de utilização que devem ser fixadas em local bem visível na entrada e dentro da área de lazer.  É necessário alinhar com o que esteja estabelecido em convenção, levando alterações para discussão em assembleia. A implementação desse espaço de lazer também necessita de votação.

Existem normas específicas que definem detalhes sobre a fabricação de brinquedos, instalação e inspeção de playground,  como a número 14.350, partes 1 e 2, da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABTN). Um exemplo é sobre a distância mínima de 1,30 m entre cada brinquedo.

Além de seguir as normas, o bom senso também é importante, como na opção pelos pisos de borracha que minimizam os efeitos de queda, oferecendo também mais aderência dos brinquedos ao solo.

 

Manutenção preventiva

Estabelecer um horário de funcionamento permite manter as rotinas de limpeza, conservação e manutenção em dia. Ajuda bastante quando a área é delimitada por cerca ou porta, para que se possa restringir o acesso quando necessário.

Regularmente os brinquedos devem ser inspecionados para checar se apresentam ferrugem, parafusos e encaixes soltos, tinta descascada, enfim, qualquer irregularidade que possa machucar alguma criança. Brinquedos que estejam chumbados no solo precisam ser verificados quanto a sua estabilidade.

Anualmente, devem ocorrer inspeções certificada pelos fabricantes dos brinquedos. Em média a durabilidade dos brinquedos de metal é longa, de 15 a 20 anos, enquanto os de plástico têm vida útil de 3 anos.

Alimentos e bebidas devem ficar longe das caixas de areia, pois podem se tornar grande foco de vermes, bactérias, fungos e vírus. Existem no mercado produtos específicos para fazer essa descontaminação periódica e há também a alternativa de usar areia especial atóxica, que é mais fácil de limpar e pouco atrativa para animais. Quando o playground não estiver em uso, é recomendado que se cubra a caixa de areia.

Os moradores devem ser constantemente orientados e contribuir também na organização e bom uso do espaço coletivo, reportando quaisquer irregularidades ao zelador.

 

Leia Mais: A facilidade e segurança dos portões automáticos. Clique Aqui!

:: C I P A - Condomínios, Locações, compra e venda de imóveis, seguros ::
  • Rua México, 41, 2º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ
  • +55 21 2196 5000

CIPA na Rede

Receba Notícias