Condomínios Iluminados: só quando for preciso

Por CIPA
Em 10/06/2015
759 Views

Em relação à racionalização de energia elétrica, por exemplo, a instalação de sensores de presença, também chamado de �luzes inteligentes�, vai evitar lâmpadas acesas sem necessidade. O custo desses equipamentos é baixo, e eles conseguem garantir que as luzes só estarão acesas no momento em que efetivamente pessoas estiverem transitando pelas áreas comuns como garagens, corredores e elevadores.

Se essa medida ainda for acompanhada da troca de lâmpadas incandescentes por lâmpadas compactas fluorescentes, também conhecidas como lâmpadas econômicas, trará um custo inicial (em torno de 110 reais por ponto para a instalação dos sensores e a compra das novas lâmpadas, mais caras que as tradicionais), mas que poderá ser revertido num curto espaço de tempo. A economia de energia pode chegar a 15% com os sensores e pode ir de 50% a 80% com as lâmpadas frias, ou seja, dependendo da freqüência de uso dos espaços, muitas vezes em seis meses esse investimento será pago e a economia continuará revertendo em benefícios para todos.

Fonte: Instituto Akatu

:: C I P A - Condomínios, Locações, compra e venda de imóveis, seguros ::
  • Rua México, 41, 2º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ
  • +55 21 2196 5000

CIPA na Rede

Receba Notícias