Blog Condomínio

Blog

Revista Condomínio Etc.

Treinamento de funcionários é essencial

Soluções completas para seu condomínio

Empresas especializadas oferecem capacitação específica e mostram que excelência em serviços é indispensável

O condomínio é um ambiente que vai muito além dos seus moradores. Nele circulam, diariamente, pessoas com os mais diversos cargos e funções, como entregadores e funcionários, que têm como missão atender às diversas necessidades que um condomínio exige. E isso inclui desde a entrega de uma correspondência urgente até a forma de tratar moradores, por exemplo. Portanto, você deve imaginar a importância do treinamento do funcionário para tornar a qualidade do serviço oferecido excelente, certo? Sim, treinar equipes faz toda a diferença em todo negócio. E, obviamente, o condomínio é também um empreendimento. 

Alessandra Barcellos, diretora-geral da BL&P RH e Treinamento Serviços e Administração, empresa especializada em recrutamento, seleção e treinamento, diz que o treinamento dos funcionários é feito de acordo com o respectivo cargo. “Cada função precisa de uma orientação específica, em que usamos apostilas e métodos para que o colaborador seja treinado conforme a orientação da empresa”, diz ela, citando que oferece um serviço de treinamento para novos funcionários e um suporte de reciclagem para os que estão há mais tempo no cargo, o que torna possível a retenção deles. “Posso citar como exemplo o caso do curso voltado para a reciclagem de porteiros antigos, normalmente senhores de idade que precisam saber como lidar com a informática, por exemplo, bem como com aparelhos novos, câmeras, que não existiam no tempo em que foram contratados. Assim, o condomínio sai ganhando e não precisa perder um funcionário com muito tempo de casa”, explica. 

Carlos Dutra, supervisor operacional da empresa de facilities Nature Serviços, defende o treinamento com o objetivo de promover a integração entre todos os funcionários, a fim de que sigam determinado padrão proposto pelas regras do condomínio. “Assim que um funcionário é contratado, ainda que seja colaborador terceirizado, são passadas todas as normas e todos os procedimentos do local de trabalho. Continuamos oferecendo um treinamento específico para sua área de atuação, por meio de um embasamento teórico com slides e apostilas seguido do treinamento prático, com o colaborador executando suas tarefas, fazendo os ajustes necessários”, diz Cláudio, que promove ainda uma reciclagem a cada três meses.

Alessandra também setoriza o treinamento por área. Segundo ela, encontram-se disponíveis apostilas específicas para porteiros, copeiros, vigias, zeladores, camareiras e entregadores. “Além disso, oferecemos treinamento com foco em atendimento ao cliente, telemarketing e vendas. Tudo depende do que o condomínio precisa e, assim, definimos também se a periodicidade do serviço vai ser mensal ou anual”, afirma. 

O síndico profissional André Luiz Pinheiro Marques, que está à frente de cinco condomínios, todos localizados na zona oeste carioca, comanda 50 funcionários. E, para nada sair errado, ele investe em treinamento mensal de sua equipe, além de contar com o auxílio da Nature Serviços, responsável pelos funcionários terceirizados. “Basicamente, trabalhamos de forma coesa. Ao atender alguém, o funcionário deve fazer uma saudação. Seja ‘bom dia’, ‘boa tarde’ ou ‘boa noite’. Sempre falar: ‘senhor’ ou ‘senhora’. Nunca ‘você’. Ajudar a abrir a porta para pessoas idosas, gestantes e portadores de necessidades especiais é ensinado. Porém não permitimos que os funcionários recebam presentes, sobras de alimentos ou façam serviços nas unidades autônomas”, diz.

 

A pandemia mudou o protocolo de treinamento dos funcionários 

Com a pandemia do novo coronavírus, os serviços dentro dos condomínios se tornaram cada vez mais essenciais. Afinal, muitas pessoas passaram a ficar em home office. Logo, um ponto sensível está relacionado com entregas em geral. Segundo Alessandra, muitas empresas adotam a entrega por meio de serviços terceirizados. “Isso dificulta bastante a padronização. Mas para os clientes que possuem entregadores fixos contratados, damos um treinamento que aborda as novas regras exigidas no decorrer da pandemia, como uso de máscara, uso do álcool gel e o cuidado no atendimento, principalmente ao utilizar a máquina de cartão, que deve ser higienizada assim como as próprias mãos, além de oferecer o álcool 70% para uso do cliente”, comenta. 

Por trabalhar com terceirizados, Carlos Dutra, da Nature Serviços, diz que o setor de entregas é de muita responsabilidade. “São encomendas de terceiros. Por isso sempre orientamos todos os entregadores que algumas correspondências são de urgência, como contas a vencer, de água, luz ou telefone, Sedex, intimações, cartões”, lista ele, que também exige que seus colaboradores se protejam corretamente por conta da pandemia. “Eles devem sempre utilizar máscaras e luvas, além de lavar as mãos e manter o distanciamento social o máximo possível.” 

Por isso é incentivado o uso de máscara o tempo todo. “Nos condomínios onde atuo, todos devem usá-las sempre. Somente na hora das refeições é permitido tirar o acessório, e a máscara deve ser colocada em um guardanapo”, observa o síndico André. 

Já Alessandra, diretora da BL&P RH, aponta que, no próprio treinamento, é ensinado que o uso da máscara não deve ser adotado somente pelos funcionários, mas por todas as pessoas que circulam nos condomínios. “Isso é muito enfatizado e, por isso, ensinamos como um porteiro ou um recepcionista vai se portar diante do cliente que se nega a usar máscara, por exemplo. O funcionário deve se reportar de maneira educada a convidar o cliente ou o condômino a colocar a máscara para circular no local, bem como usar o álcool gel e até mesmo pedir licença para aferir a sua temperatura”, avisa. 

Outra área que também passou por modificações, por conta da pandemia, foi a de limpeza. Novos procedimentos tiveram que ser empregados. “Além da limpeza em si, tivemos de treinar nossos colaboradores para fazerem a desinfecção dos ambientes. Ou seja, a desinfecção com álcool 70% em todos os locais deve ser realizada depois da limpeza e o colaborador deve voltar aos mesmos locais com certa frequência para reforçar a sanitização”, analisa Carlos Dutra, da Nature Serviços, acrescentando que os funcionários desse setor seguem um cronograma que começa nos locais de maior circulação, como hall social, elevadores e corredores.

Alessandra diz, ainda, que os faxineiros são treinados para limpar com constância os displays dos elevadores, as maçanetas das portas e os tapetes de entrada, que devem ser higienizados com álcool 70%. “Inclusive, existem condomínios que estão utilizando a higienização das áreas comuns com empresas terceirizadas, e os próprios faxineiros contratados é que fazem o acompanhamento dessas empresas”, finaliza. 

 

Serviço

BL&P RH e Treinamento Serviços e Administração
(21) 2263-0629/98223-6564 (WhatsApp)

 

Nature Serviços
(21) 3596-1737
http://nature.rio.br

 

Proteja seu condomínio e seus funcionários
Compartilhar:
Comentarios 0 Comentários

deixe seu comentário

posts relacionados

Assembleias condominiais em 2021

Assembleias condominiais em 2021

Autor: Gabriel Saad, advogado   A Lei no 14.010, promulgada em junho de 2020, que dispõe sobre o Regime Jurídico Emergencial e Transitório das relações jurídicas de direito privado... Saiba mais!

Contas mais baixas e economia de água

Contas mais baixas e economia de água

Dez anos depois da lei dos hidrômetros individuais, quem optou garante que valeu a pena Contas de água altas, desperdício, reclamação de moradores dizendo que gastam pouco e pagam... Saiba mais!

Problemas na rede elétrica são uma das maiores causas de incêndio

Problemas na rede elétrica são uma das maiores causas de incêndio

A melhor tecnologia para detectar defeito numa instalação é o conhecimento técnico Quanto um condomínio se preocupa com a segurança? Com a violência que assola o Rio de Janeiro,... Saiba mais!

Vazamentos podem ter soluções rápidas e seguras

Vazamentos podem ter soluções rápidas e seguras

Uma investigação detalhada pode levar a diagnóstico preciso e econômico Quando aquela mancha aparece no teto, já pensamos logo na dor de cabeça que um vazamento pode causar. Durante... Saiba mais!

Cadastre-se em nossa newsletter e receba todas as novidades do Grupo Cipa em seu e-mail.

Close Bitnami banner
Bitnami