Por CIPA
Em 24/02/2017
626 Views
O Índice de Confiança do Consumidor (ICC) medido pela Fundação Getúlio Vargas subiu 2,5 pontos em fevereiro e voltou ao maior nível desde dezembro de 2014, aos 81,8 pontos. Foi a segunda alta consecutiva.
.
Tanto o índice que mede a situação atual da economia quanto o que detecta as expectativas em relação ao futuro melhoraram. Na avaliação do Departamento de Estudos Econômicos do Bradesco, a redução da inflação e dos juros deve continuar impulsionando o aumento da confiança ao longo do ano.
.
Um ponto que chamou atenção da FGV foi que o aumento da confiança aconteceu entre as classes de maior poder aquisitivo, em fevereiro, enquanto as de mais baixa renda recuaram dois pontos, devolvendo parte do aumento de 5 pontos que aconteceu em janeiro.
.
“Esta dispersão de resultados pode estar sendo influenciada pela incerteza em relação à situação financeira futura em um cenário em que o mercado de trabalho continua se deteriorando”, disse a FGV em nota.
.
Já o índice da construção civil teve uma ligeira queda, de 0,1 ponto em janeiro. Ou seja, a recuperação continua difusa, alternando indicadores de alta com números de queda.
.
Fonte – O Globo online, Míriam Leitão

Cadastre-se no NOTICIPA

:: C I P A - Condomínios, Locações, compra e venda de imóveis, seguros ::
  • Rua México, 41, 2º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ
  • +55 21 2196 5000

CIPA na Rede

Receba Notícias